7 da tarde e ainda não lavei os dentes

Também andam a olhar para as etiquetas dos produtos para terem a certeza de que são portugueses?

atentem bem no meu ar vazio, de quem prevê o caos 🙂

Sábado estreou o programa “Missão: 100% português”. Uma aventura que envolve o Raminhos, a sua busca por uma vida feita exclusivamente de produtos portugueses. E o resto da família também!

Quem viu sabe que fiquei com a casa vazia. É o que dá recorrer em barda àquela loja sueca que dá um jeitão quando não se tem muito para gastar e quando se gosta de ir mudando de móveis (e de casa, também!).

Quem tem filhos sabe que qualquer alteração à rotina gera o caos. Pois bem, é nesse caos que tenho vivido desde que começaram as gravações, há umas boas semanas! (Essa é também a razão pela qual não tenho escrito tanto, mas a partir de agora vou conseguir vir ao vosso encontro com maior regularidade!)

Depois de trabalhar o desapego ao ver os meus “tarecos” serem levados para longe, tive de trabalhar uma timidez muito (muito!) grande em frente às câmaras. É que eu trabalhei vários anos em televisão, mas sempre nos bastidores.

Neste processo, fiz aquelas coisas todas tipo imaginar que estava a falar para uma amiga, imaginar que não estavam umas 10 pessoas numa sala, etc… sabem como é, certo?

Confesso que tinha receio do resultado do programa e estava ansiosa à espera da estreia. Porque esta timidez – e até falta de confiança – mexem muito comigo. Mas gostei do resultado porque eu estou mesmo “eu” – refilona que se farta! – e o programa é muito equilibrado, balançando bem os momentos de humor com informações importantes que é bom recebermos acerca da economia do nosso país.

Acho que o apresentador, no meio do seu sofrimento e desespero nesta demanda pelo que é nacional, fez um excelente trabalho – irrepreensível, com a pequeníssima excepção daquele pólo às riscas que nem o meu pai usaria! E apesar de este texto ser sobre a minha singela participação no programa – porque o blogue é meu ah ah ah – o foco tem de estar nele. E é tão merecido!

E sim, também já dou por mim a olhar para as etiquetas dos produtos para ter a certeza de que são portugueses 🙂

Um comentário em “Também andam a olhar para as etiquetas dos produtos para terem a certeza de que são portugueses?

  1. Ana Oliveira

    Olá Catarina,
    Realmente o programa é muito bom! E mostra-nos aquela realidade que todos temos em casa e que não queremos encarar.
    O Raminhos, como não poderia deixar de ser, está no seu melhor. Foi a pessoa indicada para levar um programa destes que, sendo educativo, tem que ter humor para poder cativar o público.
    Gabo-te a paciência para veres a tua casa toda encaixotada! Mas sei que é por um bom motivo.
    Relativamente ao programa, creio que deviam também fazer alguma referência aos preços dos produtos 100% portugueses vs os estrangeiros, porque infelizmente creio que esse pode ser muita vezes o impedimento para muitas das escolhas que o comum dos portugueses faz.
    Continuação do excelente trabalho, quer o teu como o dele!!

    Beijinhos,
    Ana Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *